quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Bitaites de pré-temporada

O Bruno Alves já começou a ser "beatificado" por quem tão mal dizia do nosso capitão: tal como alguns previram aqui no POBO, assim que o homem fosse transferido deixaria de ser um jogador violento, sem carácter e sem nível, para passar a ser "uma perda irreparável para o centro da defesa dos dragõe", um "hiato de liderança que não é comum no FCP" e a "perda do único jogador de classe mundial" que por cá andava. Mais ainda: diz a imprensa vermelhusca que foi um "negócio assim-assim", que "a venda a um clube da segunda linha europeia é um fracasso" e outras preciosidades.

Pois bem: vender um jogador a caminho dos 29 anos por 22 milhões de euros é um bom negócio seja como for que queiram torcer as coisas, porque:
  1. o FCP não vai usufruir este ano dos valores habitualmente ganhos na liga dos campeões e estava obrigado a fazer um ou dois negócios destes;
  2. o Bruno Alves há já muito tempo que queria sair para fazer um contrato por valores que o Porto não lhe poderia proporcionar;
  3. para o FCP, o facto de ser o Zenit a pagar não aumenta nem reduz o prestígio do clube - foi quem teve dinheiro para pagar; talvez seja significativo para o jogador não estar num Chelsea, num Milan, num Barcelona ou num Real Madrid, mas se o que desejava era dinheiro, foi para o sítio certo;
  4. para quem achou que 22 milhões foi pouco, relembro que o muito mais novo e badalado Di Maria saiu do SLB por 25 milhões (e a remota hipótese de, se jogar e se o Real ganhar competições o valor chegar aos 36);
  5. hoje mesmo é referido que o Ramires, jogador da canarinha e mais um dos hiper-mega-fixes do Benfica, vai para o Chelsea... por 22 milhões de euros; e com a agravante dos passarocos já só facturarem metade daquele valor, porque venderam os outros 50% por uns meros 6 milhões - ou seja, custou 7,5 e obtiveram 17 milhões - com um saldo de 9,5 por um internacional brasileiro, este é que foi um grande negócio, não foi amigos do orelhas?!...

2 comentários:

O Relógio Parado disse...

Como Sportinguista digo:

É um facto que Bruno Alves foi e continua a ser um jogador de nível mundial. Só uma imprensa muito parola é que não o admitia. Mas é o que temos, infelizmente. Mas também não nos esqueçamos que a imprensa do Norte não é lá muito melhor.
Acho que o Bruno Alves este ano iria fazer mais parte do problema do que da solução, e isso só reforça a ideia de que este foi, para mim, o melhor negócio da história do FCP.
Vai ser difícil substituí-lo e em princípio o FCP estará mais fraco, o que, como Sportinguista, é uma boa notícia.

miguel_canada disse...

"Vai ser difícil substituí-lo e em princípio o FCP estará mais fraco, o que, como Sportinguista, é uma boa notícia."

Ficamos mais fracos com a saida do Fernando Couto, ficamos mais fracos com a saída do Jorge Andrade, mais fracos com a saída do Ricardo Carvalho, mais fracos com a saída do Pepe, do Bosingwa, com a saída do Bruno.....
Mas o facto é que aparece sempre outro e o FCPorto continua a ganhar.