quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Estamos de volta?

O site oficial do FC Porto diz que "O FC Porto está de volta". Para além do mau gosto de se colarem ao slogan do Sporting, acho que os responsáveis pelo site deviam ter calma. Não estamos de volta coisa nenhuma. Ganhámos o jogo, melhorámos em relação ao jogo de Coimbra, mas não embandeiremos em arco, como se tivéssemos empatado contra o pior Man United dos últimos anos. Se ganharmos ao Braga, se ganharmos ao Zenit, aí sim, estaremos de volta.

9 comentários:

Rui Cunha disse...

Como portista não sei se será um bom resultado. Permitirá ao VP durar mais tempo, mas não sei se não representará apenas o continuar de uma morte lenta e anunciada. Espero estar enganado...

Pentadragão disse...

Bem, pelo menos este jogo nada teve a ver com o de Coimbra!
Mostrámos outra atitude, esforçámo-nos e imagine-se, até fizemos alguns remates à baliza!
Senti, durante o jogo que iríamos ganhar.

No entanto, quando vi o Maiconas a titular, se o VP estivesse à minha frente era capaz de perder a cabeça e chamar-lhe nomes feios. :)

Por isso, não sei se estaremos de volta. Sinto que os jogadores também querem ver o VP pelas costas, por isso aquela deplorável exibição em Coimbra. Mas como hoje era decisivo (para haver dinheiro para receberem ao fim do mês) já jogaram qualquer coisa que se visse.

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

caríssimos,

esta noite, mesmo com uma imensa Fortuna, que se soube procurar (e conquistar), a Equipa uniu-se e quis vencer. afinal, "querer é poder".

e, sendo assim, (i) nada está perdido na Champions e (ii) teremos esta equipa técnica até Dezembro (pelo menos) - pelo que será tempo de nos unirmos e lhes darmos apoio, por muito duvidosos que estejamos com um passado recente que não desejamos que se repita no Futuro mais imediato.

somos Porto!, car@go!
«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)
Miguel | Tomo II

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Mais que tudo, ontem a equipa teve atitude séria, lutou e correu pelo resultado.
O meio campo funcionou e por conseguinte fomos fortes na pressão e na construção de jogo.
Helton esteve enorme na primeira metade, evitando males maiores. A defesa com os pés foi fantástica.
Na segunda parte dominamos completamente o adversário e sob a batuta de Hulk e Moutinho conseguimos uma justa vitória.
Espero sinceramente que não tenha sido uma exibição episódica, e que haja continuidade na atitude, pois as boas exibições surgirão com naturalidade.
Que o jogo de ontem não seja como a velha fábula do burro e da cenoura.
Falta-nos uma simples vitória para nos apurarmos. Acredito que se a atitude se mantiver conseguiremos.

Abraço e boa semana

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.com

Rui Anjos (Dragaopentacampeao) disse...

Foi uma vitória feliz, sofrida mas muito digna, na medida do esforço e solidariedade manifestados quer pelos jogadores quer pelo técnico.

Os problemas continuam, não desaparecerem, mas pelo menos vimos raça e ambição.

Voltar a depender de si próprio é um factor que poderá ajudar a atingir o objectivo, mas será necessário muito empenho, porque apesar do jogo decisivo ter lugar no Dragão, ao Zenit basta empatar.

Espero que a sorte que nos bafejou na Ucrânia não nos abandone.

Um abraço

dragaovenenoso disse...

Nem mais! O que vi ontem foi um FCPorto esforçado, mas sem grande capacidade de organização. A nossa sorte foi o Shaktar estar pior que nós. Uma equipa mais organizada não nos deixaria marcar nenhum golo. E tivemos a sorte do jogo! Pode ser - pode ser - que este resultado ajude a ganhar moral, mas os problemas continuam lá. Teima-se em jogar com menos um (o Djalma serviu apenas para defender, porque para atacar é uma nulidade) e o VP continua a apostar numa táctica na qual os jogadores no meio campo e ataque não têm posições fixas, são livres. O que é que acontece? Aparecem por vezes dois no mesmo espaço. Enfim...mas isto também é culpa do adjunto que é fã desse esquema de jogo. E lá se viu os resultados que teve até hoje. Ele e o VP.

LC disse...

Boas, resumindo e concluindo... ganhamos, fixe!, mas objectivamente não jogamos nadinha!! Não fazemos 3 passes seguidos e a nossa defesa mete água por tudo que é sitio, principalmente o Rolando que nem sequer consegue fazer um passe para um colega de equipa (pq é que este gajo tem lugar cativo?. A unica coisa boa que este jogo teve (além da vitoria) foi o constatar que ninguém esta a fazer a cama a ninguém (os jogadores pareceram unidos a festejar o golo), o problema é mesmo a falta de categoria e capacidade do "prof" VP.

André Pinto disse...

Caro guardabel:

Há uma coisa que regressou neste jogo: a sorte. Apesar de algum progresso na atitude dos jogadores, tacticamente a equipa esteve péssima. Aquela opção do Maicon a lateral não lembra o diabo, tendo em conta a sua falta de velocidade e dureza de rins.

Um tipo na SIC dizia que Villas Boas tinha experimentado durante a pré-época e mostrado o modelo assente logo no jogo da Supertaça frente ao Benfica. Vítor Pereira fez o inverso: manteve o modelo do treinador anterior durante a pré-temporada e começou a fazer experiências já em competição oficial. É a tal tentação de se descolar de Villas Boas.

Villas Boas, by the way, está a ter aquilo que merece. E não me digam que o querem de volta. Isso seria vender o cu muito barato. Quero que o meu clube vença, mas também gosto de andar por aí de cabeça erguida.

condor disse...

Ora nem mais,caro Guarda!