sexta-feira, 25 de maio de 2012

Carlos Lisboa: vícios privados, públicas virtudes

5 comentários:

Pedro I disse...

pois sim, o jogo foi vergonhoso. sim, o comportamento de alguns é quase sempre exagerado e ontem foi bem explicito.
então, segundo o amigo pôncio, o comportamento do treinador e do base da equipa dos coisos, durante o jogo todo, é aceitável e n deveria ser replicado... caríssimo amigo, eu considero-me uma pessoa calma e bastante ponderada, sempre q, pessoalmente, perco, a jogar seja o q for (e sou bastante competitivo!), saio a rir e sem qq problema. já qd é o porto a perder... fico doente, transtornado, n m apetece falar nem ouvir, é uma desgraça PESSOAL! mas, longe d mim ir-me 'meter' seja c quem for so por causa disso, tento engolir e esquecer. nas vitórias é igual, n entro em ebulição s souber q há por perto quem tenha perdido. agora tb há o reverso da medalha, s alguém m vier esfregar na cara, demonstrando pouco carácter, a minha derrota e a sua vitória, provavelmente n levará c uma cadeira mas vontade n m irá faltar. há momentos em q até o mais comedido s exalta, s 'passa'! imaginemos então um daqueles q la estavam no pavilhão a ser provocados daquela maneira. n os quero desculpar d maneira nenhuma, mas há gente c mta mais responsabilidade q mt pior fica na fotografia.
até lhe digo mais, eu acho q os gestos do pseudotreinador foram dirigidos ao presidente PC.
depois é ver a actuação da policia, q em vez d tentar repor a ordem entre os q a n respeitam, bate indiscriminadamente nem q sejam grupos d meninas d 13 ou 14 anos ou pessoas c idade.
há tb um comentador no post anterior q diz q o cântico - slb, slb... fdp...- é isto e aquilo. pois eu tb acho, o problema é q esta gente e a sua memória selectiva irritam-m um bocadito, este cântico é infeliz mas nasce do tempo, e eu cresci a ouvir isto, em q o porto podia ir jogar onde fosse q iríamos ouvir invariavelmente o célebre -ó pinto da costa, vai po caralho!- ad nauseam!!!
por isso meus amigos o moralismo q s lixe! custa-m é ver um imbecil, iletrado e c os telhados já completamente sem vidros, a bolsar a merda q lhe escrevem e no fim ficar sem resposta.
um abraço

Ribeiro DeepBlue disse...

Num país onde há regras desportivas, este senhor seria punido pela respectiva federação que rege o desporto (aguardemos).

Num país onde não há regras, este filho dum puta não saia vivo do pavilhão...

Reconheço que o comportamento dos nossos adeptos não foi correcto. Mas sabe-se que, juntando num local, mais de 10 gajos, com a adrenalina acumulada ao fim de um jogo, é inevitável a picardia. Se lhe juntarmos estes gestos do Carlos Al-Lishbuna a pedir que lhe enfiem qualquer coisa pelo recto acima, fica o caldo entornado.

Mas ter a ousadia de falar sobre isto quando vimos o ano passado, às portas do Estádio da Luz, uma verdadeita Intifada, quase à moda da Faixa de Gaza é indecoroso.
Culpa tem quem dá um microfone a um analfabeto, o qual tendo no seu cadastro criminal uma condenação por furto, não se coíbe de usar à boca cheia a palavra "ladrão". É de homem. Not.

André Pinto disse...

Caro guarda: o vídeo demonstra duas coisas. Uma é a grosseria e mau ganhar de Carlos Lisboa. A outra é que houve adeptos portistas que desrespeitaram o clube, reagindo na própria casa como habitantes da aldeia dos macacos às provocações de um orangotango.

Mas eu dou de barato que seja uma conspiração altamente rebuscada de Pinto da Costa. Senão vejamos. Todos os portistas desejam longos e abundantes anos a Luís Filipe Vieira na cadeira do poder benfiquista. Ora, o tipo anda em pela campanha eleitoral, que consiste em lançar areia para os olhos da carneirada, justificando todo o insucesso desportivo encarnado com a maquiavélica ingerência portista.
Este terá sido um empurrãozinho à candidatura de Vieira. É tudo estratégia...

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

caríssimos,

eis a resposta devida aos «burros» do costume.

senti-me "vingado" pelas infames declarações (nada) presidenciais, proferidas pelo responsável máximo da coisinha agremiação de Carnide.

abr@ço
Miguel | Tomo II

ALBINO disse...

Apesar de tudo, este novo port cheira a mea culpa. De facto, também sou dos que pensam que cantar SLB, SLB por tudo e por nada não honra ninguém e só dá importância aos ditos coisinhos. Mas até na minha provecta idade me revoltam atitudes como as do Sr. Lisboa, que devia estar a ferver. Pois, tinha uma super-equipa, a quem o nosso treinador e um jogador, pelo menos reconheciam superioridade, e se não ganhasse se calhar não tinha tacho para a próxima época. E as palavras do Marçal, o nosso capitão, não me deixaram dúvidas quanto ao lado em que está a razão. Mas, malgré tout, também acho vergonhoso tudo o que se passou. Mas só devemos assumir a parte que nos cabe, nesta e em todas as ocasiões.