terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Última tanga em Paris

Dois erros individuais graves foram decisivos nas derrotas de Braga e de Paris. Mas o pior nem é isso. O pior é ver que quem está no banco não faz a diferença (sim, também falo de jogadores).

2 comentários:

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Ontem fiquei mesmo fodido com o resultado.
E não é por esta derrota nos ter deitado para o segundo lugar do grupo.
É me indiferente que calhe Barcelona ou qualquer outra equipa. Somos um dos maiores emblemas da Europa e por conseguinte entramos na champions para a vencer, e temos de ter estofo para vencer qualquer adversário.

Fiquei fodido, porque uma vez mais cometemos erros primários que em alta competição são imperdoáveis. Mais um golo sofrido de bola parada, falhar golos cantados e como se não bastasse mais uma desconcentração individual que resultou num frango.

Somos melhores que o PSG, e ontem mesmo com erros primários não merecíamos a derrota.

Os atletas tem de ter estofo e tranquilidade e assumir o peso da camisola que envergam, caso contrário qualquer adversário nos vencerá na próxima eliminatória.

Já em Braga, além da lentidão de leitura e reacção ao jogo de VP, os nossos atletas não tiveram a perspicácia de entender que havia um Larápio em campo, e que portanto é preciso ronha e manha.

Por falar em manha, ontem a TVI mais uma vez demonstrou que tem profissionais que prestam um péssimo serviço ao jornalismo desportivo. "Mute" foi a solução para poupar a minha paciência.

Os portistas presentes no estádio mereciam mais empenho e concentração.

Há que agora recuperar a equipa e olhar em frente.

Abraço e boa semana

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.pt

Rui Anjos (Dragaopentacampeao) disse...

Quando se joga para o empate, como penso que o FC Porto jogou, face às diferentes atitudes adoptadas, antes e depois de estar a perder, pelas duas vezes, arrisca-se a perder.

Essa máxima voltou a funcionar em pleno.

Efectivamente, os Dragões só mostraram o que valem nessa situação, o que convenhamos, não é a atitude certa para quem tem ambições europeias. Isso mais um conjunto de erros primários e fatais, que em alta competição se pagam caras ditaram a merecida derrota.

Esta equipa tem que ser mais consistente se quer continuar na prova. Eu acho que não está ainda suficientemente madura para ambicionar voos mais altos, qualquer que seja o próximo adversário.

Um abraço